Pesquisadores da Universidade de Sydney, na Austrália, concluíram que comer pão, arroz e macarrão pode ter efeito muito positivo em prevenir a demência. Eles chegaram a esta conclusão depois de alimentarem camundongos com uma dieta restrita de proteínas, mas rica em carboidratos, e notaram melhora no bem-estar, saúde mental e memória dos animais.

Os estudiosos acreditam que os mesmos resultados poderão ser observados em humanos. “Não existem hoje medicamentos realmente efetivos para tratar a demência. Nós podemos desacelerar o progresso da doença, mas não pará-la. Então, é animador saber que estamos começando a identificar dietas diversas que podem impactar em como o cérebro reage”, disse Devin Wahl, responsável pela pesquisa no artigo publicado no jornal Cell Reports.

Ele disse ainda que dietas restritivas comprovadamente também ajudam na manutenção da saúde do cérebro. “No entanto, a maioria das pessoas tem muita dificuldade em seguir este tipo de alimentação”.

Segundo o site Daily Mail, uma em cada seis pessoas com mais de 80 anos vive com demência no Reino Unido.

Fechar X