Rapi Ananda Pamungkas, conhecido como Rap, tem dois anos e meio e fuma cerca de 40 cigarros por dia. Segundo o site inglês Mirror, ele começou o vício há dois meses quando, junto com meninos maiores, pegava bitucas do chão no mercado em que a mãe trabalha na cidade de Sukabumi, na Indonésia.

Depois, ele começou a pedir cigarro aos turistas, que davam achando que era brincadeira. Quando não recebia, “ficava muito nervoso e chegava a atirar objetos nas pessoas”, disse a mãe. Por isso, ela começou a comprar dois maços por dia para o garoto.

“Meu filho costuma fumar enquanto toma café e come bolo. Se não der um cigarro, ele fica muito irritado, chora o dia todo e não consegue dormir. Por isso, hoje eu compro para ele. É caro, mas ele faz isso o dia todo”, contou.

O pai, de 40 anos, também conversou com o site e comentou que é fumante, mas consome menos do que o filho de dois anos. “Não consigo dizer não quando ele pede. Vamos procurar um médico para tentar ajudá-lo”.

Em 2007, um outro menino da Indonésia, também de dois anos, teve sua história contada no mundo todo por fumar 40 cigarros todos os dias. Ardi Rizal teve ajuda profissional para largar o vício. Mas, oito anos depois, ele se tornou obeso por ter trocado cigarro por comida. Hoje, segundo a imprensa internacional, ele perdeu peso e tem uma vida mais saudável com orientação médica e acompanhamento psicológico.

Fechar X

 

Fechar X