A norte-americana Tiana Howden teve um surpresa depois de um procedimento na pedicure. Ela fez as unhas como estava acostumada, mas dias depois começou a sentir uma dor horrível. Não conseguia calçar nenhum sapato e nem cobrir os pés à noite.

No mesmo período, um pontinho preto apareceu no dedão do pé direito. Ela procurou um médico por causa da dor e descobriu que tinha uma unha encrava imensa.

“Os médicos disseram que era a unha encrava mais profunda que já viram”, contou ao site Metro.

Tiana passou, então, por um procedimento e removeu o pedaço de unha que estava encoberto pela pele. Os médicos explicaram que isto acontece quando, após cortar a unha de maneira errada, ela cresce no sentido contrário ao que devia e acaba entrando na carne.

Sepsia após machucado feito por sapato usado:
Fechar X
Sem mais artigos