Uma mulher de 50 anos, que não teve o nome divulgado, sofreu queimaduras de segundo grau e ficou com o rosto coberto de bolhas após ter passado por um tratamento estético mal feito, em Taipei, Taiwan.

Segundo o site Metro, ela fez um procedimento em que rádio frequência é usada para aquecer camadas profundas da pele com o objetivo de estimular a produção de colágeno. Horas após chegar em casa, ela teve que correr para o hospital por causa da dor e do surgimento das bolhas.

“Este tipo de lesão é causada pela força do tratamento”, explicou Lin Shang-li, médico dermatologista responsável pelo tratamento intensivo. Ele disse também que a paciente tem cicatrizes escuras por todo o rosto e terá que passar por uma série de procedimentos nos próximos meses.

Fechar X

 

Fechar X
Sem mais artigos