Toni Little, de 25 anos, sentiu uma dor terrível ao ter uma unha arrancada por causa de cola acrílica extra forte usada pela manicure.

Segundo o site Metro, a mulher colocou extensões de unha coladas com uma cola diferente da que costumava usar. Até que, semanas depois, teve um pequeno acidente doméstico. Na ocasião, sentou em cima sem querer da mão, a unha artificial virou e, quando Toni puxou o dedo, sua unha veio junto.

“Foi uma dor maior do que a do parto. Foi muito dolorido e saiu muito sangue”, contou. Ela correu para o médico, que aconselhou tratar com água com sal.

“Disseram que eu poderia nunca mais ter esta unha, mas nove meses depois, ela está começando a crescer de novo. Apesar de isso ser uma boa notícia, meu dedo está sempre dolorido”, disse.

Fechar X
Sem mais artigos