Pacientes do Sistema Nacional de Saúde do Reino Unido poderão ter acesso à maconha medicinal a partir de novembro, disse Sajid Javid, Secretário de Estado.

A medida, que vale na Inglaterra, País de Gales e Escócia, tinha sido anunciada há pouco mais mais de dois meses e, a partir de 1 de novembro, médicos poderão prescrever a cannabis como tratamento complementar para os pacientes do sistema público.

“O governo irá monitorar o impacto desta política de perto para colher evidências sobre o uso da cannabis”, disse Javid ao site inglês Metro.

Fechar X