celular_ansiedadeÉ o fantasma da era da tecnologia: o telefone que vibra no bolso, que toca na sala e que quando você vai checar não há qualquer mensagem. O problema não é no aparelho, mas causado por um fenômeno psicológico, de acordo com um estudo feito na Universidade de Michigan. É uma espécie de ansiedade pelo toque, conforme divulgou o jornal britânico Daily Mail.

Para analisar o fenômeno, os especialistas Daniel Kruger e Jaikob Djerf reuniram um grupo de estudantes, e fizeram uma série de questões sobre as “chamadas-fantasma”. Eles investigaram a frequência das ocorrências e descobriram que mais de 75% dos jovens sofrem o problema.

“Identificamos uma conexão entre as experiências-fantasma com o celular e algumas características psicológicas, especialmente a ansiedade”, afirmaram os pesquisadores. Nos últimos anos, as pessoas estão cada vez mais dependentes dos aparelhos celulares, principalmente para acompanhar as redes sociais. Essa ansiedade impacta em problemas de curto e longo prazo, como dores de cabeça, estresse e distúrbios do sono, alertou a pesquisadora de San Diego, Brenda K. Wiederhold.

Fechar X
Sem mais artigos