Clima no 'Domingo Espetacular' é pesado

Record TV/Divulgação Clima no ‘Domingo Espetacular’ é pesado

Após ser acusado de assédio moral por Janine Borba, Thalita Oliveira e Patrícia Costa, o jornalista Paulo Henrique Amorim, de 75 anos, não dá mais nem bom dia para as colegas do Domingo Espetacular, revista eletrônica semanal da Record. As informações são do site Notícias da TV.

De acordo com a publicação, um profissional que integra a equipe do programa disse que “não tem mais aquela troca de ideias, improvisos. Eles não comentam mais reportagens”.

A equipe toda estaria na expectativa da diretoria da emissora tomar uma atitude, como uma troca de elenco, uma vez que a situação estaria insustentável.

A crise explodiu após um tchauzinho que Thalita Oliveira deu ao final de uma gravação do programa, no último dia 3. Paulo Henrique elevou o tom de voz e advertiu a colega, acreditando que ela estaria querendo aparecer mais que os outros.

Janine e Patrícia compraram a versão da colega e enviaram um protesto a Leandro Cipoloni, diretor de gestão de jornalismo, e Thiago Contreira, diretor de conteúdo de jornalismo. Elas alegaram estarem cansadas de sofrer assédio moral e que Amorim reclamava de tudo, da demora na maquiagem até a seleção de reportagens.

Paulo foi advertido verbalmente pela Record e prometeu não ter mais o mesmo comportamento. Ele, porém, teria optado por agora ignorar completamente as colegas.

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos