O diretor de cinema espanhol José Juan Bigas Luna morreu aos 67 anos em decorrência de uma doença que há anos lutava contra, disse neste sábado à Agência Efe um porta-voz da família.

Bigas Luna morreu na tarde de sexta-feira, em sua casa de Riera de Gaia, e no momento do falecimento estava acompanhado da mulher e das filhas, disse o porta-voz, que indicou que por desejo do cineasta, “não vai haver nenhum tipo de funeral e nem ato público em sua homenagem”.

Apesar de estar gravemente doente, Bigas Luna não tinha deixado de trabalhar e estava quase começando a rodagem de Mecanoscrito del Segundo Origen, uma adaptação do romance do escritor Manuel de Pedrolo.

Bigas Luna, um dos diretores espanhóis de maior projeção internacional, dirigiu entre outros filmes Bilbao, Caniche, Lola, entre outros, e deu os primeiros papéis a atores como Javier Bardem, Penélope Cruz e Jordi Mollà.

Fechar X
Sem mais artigos