Criador de algumas das trilhas sonoras mais marcantes do cinema do final dos anos 70 e primeira metade dos 80, Giorgio Moroder vai voltar ao ramo.

Segundo o site Digital Spy, o músico revelou que já tem uma proposta em andamento. “Tenho um convite para fazer um filme grande”, disse Moroder. “Não posso contar ainda, é um filme grande, mas não é um filme de US$150 milhões”.

Moroder ganhou 3 Oscars – pela trilha de O Expresso da Meia-Noite (1978), e de Melhor Canção por Flashdance (1983) e Top Gun (1986). Além disso, fez trilhas marcantes para filmes como Gigolô Americano (1980) e História Sem Fim (1984).

Giorgio Moroder

Fechar X
Sem mais artigos