Fechar X

Michael J. Fox estreia, no próximo dia 26 de setembro, nos Estados Unidos, a série The Michael J. Fox Show. No programa da NBC, ele interpretará o personagem Mike Henry que, como o próprio ator, sofre do mal de Parkinson. Em entrevista à revista Rolling Stone, da qual é capa em setembro, o artista falou sobre atuar com a doença. Ele acredita que sua condição trouxe coisas positivas para o trabalho.

“Eu tinha certa fluidez nos movimentos e ritmo de fala e uma fisicalidade da qual eu dependia. Isso me servia muito bem, mas quando isso me foi tomado, eu percebi que havia outras coisas que eu poderia usar. Essa hesitação, essa afetação Parkinsioniana, é uma oportunidade para simplesmente pausar em um momento, para pensar como o personagem e responder ao que está acontecendo. Simplesmente isso me deu esse tipo de comportamento. Realmente me deu uma nova visão das coisas”, afirmou.

“Eu costumava ficar realmente nervoso. E sentar no meu camarim e me preocupar com uma cena que está por vir, suar e dizer, ‘O que eu vou fazer?’. Você diz ‘ação’ e eu tenho de fazer algo”, contou. “Hoje eu sou tipo, ‘Okay, o que está acontecendo?’. E se algo acontece, eu reajo a isso; se nada acontecer, eu não reajo. Eu não me preocupo com aquela coisa que eu faria ou o olhar que eu faria porque, quando eu estiver lá, eu posso não ser capaz de fazer o olhar ou de mover um copo”, acrescentou.

Fechar X
Sem mais artigos