Durante mais de 25 anos muita gente se perguntou como um adolescente e um velho cientista se tornaram tão amigos – a ponto, inclusive, do primeiro aceitar ser o cobaia do segundo. Pois agora Bob Gale, produtor e um dos roteiristas da trilogia De Volta Para o Futuro, contou como Marty McFly (Michael J. Fox) e Doc Brown (Christopher Lloyd) se conheceram.

Gale explicou que ele e o outro roteirista, o também diretor Robert Zemeckis, criaram uma história para justificar a amizade, mas ela acabou ficando de fora dos filmes.

“Ok, da autoridade sobre o assunto (sim, sou eu – er, co-roteirista e co-criador): Nunca explicamos isso no filme. Mas a história dos personagens que eu e Bob Zemeckis criamos foi a seguinte…

Durante anos, as pessoas diziam a Marty que Doc Brown era perigoso, bizarro, um lunático. Então, sendo um corajoso adolescente americano, com 13 ou 14 anos, ele decidiu descobrir porque esse cara era tão perigoso. Marty entrou sorrateiramente no laboratório de Doc, e ficou fascinado com todas as coisas legais que estavam ali. Quando Doc o encontrou lá, ficou encantado ao descobrir que Marty o achava legal e o aceitava do jeito que ele era. Ambos eram as ovelhas negras em seus respectivos ambientes. Doc deu a Marty um emprego de meio-período para ajudar com experiências, cuidar do laboratório, cuidar do cachorro etc.

E esta é a origem do relacionamento deles”, concluiu.

Bob Gale surgiu com a história depois que o colunista Jason English, do site mental_floss, publicou a pergunta do colaborador Brett Savage, que queria saber se alguma vez a ligação entre Marty e Doc havia sido explicada. Muitos leitores enviaram suas teorias mirabolantes mas, entre eles, estava Gale, que esclareceu de vez o assunto.


Fechar X
Sem mais artigos