A Rússia censurou diversas sequências do filme ‘Rocketman’, retrato da vida de Elton John. Segundo o site Daily Mail, o país retirou mais de cinco minutos da cinebiografia que continham cenas de beijo ou sexo gay por causa de leis que proíbem “propaganda homossexual”.

Um famoso crítico de cinema do país lamentou o ocorrido: “todas as cenas de sexo entre homens foram cortadas. Desculpe, Sir Elton”, escreveu Anton Doli.

O cantor e os produtores do filme publicaram nota repudiando a edição. “Nós rejeitamos nos termos mais fortes possíveis a decisão de ceder às leis locais e censurar ‘Rocketman’ para o mercado russo, uma medida que não sabíamos até hoje, que o distribuidor local havia editado certas cenas, negando ao público a oportunidade de ver o filme como foi planejado. É um triste reflexo do mundo dividido em que vivemos e como ele ainda pode ser cruel ao não aceitar o amor entre duas pessoas. Acreditamos na construção de pontes e no diálogo aberto, e continuaremos a pressionar pela derrubada de barreiras até que todas as pessoas sejam ouvidas igualmente em todo o mundo”, afirmaram.

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos