A MTV Brasil, há um mês sob controle do grupo norte-americano Viacom, pediu à Ancine dispensa da nova lei da TV a cabo, que exige que canais por assinatura tenham na programação três horas diárias de conteúdo nacional.

De acordo com o jornal O Globo, a emissora afirma que tentou, sem sucesso, produzir conteúdo para cumprir a cota. A Viacom afirma ainda que as produtoras que colaboram com a emissora não entregaram ainda as atrações que estão andamento. Se a dispensa for aceita, a MTV terá mais um ano para correr atrás do prejuízo.

Em coletiva de imprensa no último mês, o canal prometeu 350 horas de conteúdo nacional distribuídas em um ano – o equivalente a uma hora diária de programas produzidos no Brasil. 

Virgula Diversão entrou em contato com Tiago Worcman, vice-presidente do canal, mas não recebeu resposta até a publicação desta reportagem.

Fechar X
Sem mais artigos