Uma passageira da linha área chinesa Xiamen Airlines passou dos limites para tomar um “ar fresco”, atrasando o voo em uma hora. Sentada ao lado da porta de emergência, ela abriu o compartimento alegando que a cabine “estava muito abafada”.

O incidente ocorreu no dia 23 de Setembro, durante um voo do Aeroporto Internacional de Wuhan Tianhe para a cidade chinesa de Lanzhou, segundo informações do South China Morning Post.

A mulher não identificada, aparentemente na casa dos 50 anos, foi instruída por membros da tripulação a não apertar o botão. Contudo, de acordo com o veículo, quando eles foram ajudar outros passageiros antes da decolagem, ela abriu a porta “para tomar um ar fresco”.

Após o incidente, a senhora foi retirada do voo, que teve um atraso de uma hora.

A ação pode ser interpretada como perturbação da ordem pública e punível com detenção e multa, informou o jornal chinês.

Fechar X
Sem mais artigos