A China quer estabelecer um nova etiqueta para usuários do metrô e pretende banir o que considera ‘comportamentos grosseiros’, incluindo beber e comer nas estações.

De acordo com o jornal China Daily, os passageiros serão proibidos de comer, beber, ouvir música em caixas de som, deitar ou apoiar os pés nos assentos a partir do dia 1 de Abril de 2020. A medida foi aprovada pelo Ministério dos Transportes na última terça-feira (29).

Alimentar-se dentro das estações é um assunto controverso no país, como relata o jornal New York Post. Muitos passageiros são a favor da medida por se incomodarem com o cheiro dos alimentos e pelo lixo gerado.

A regra que bane o consumo de comidas e bebidas não será aplicada a bebês, crianças e pessoas com alguma condição médica. Contudo, ainda é incerto como os funcionários do metrô verificarão quem tem permissão médica. O governo também não anunciou quais serão as penalidades enfrentadas por quem desobedecer as novas regras.

Esta é a primeira vez que uma legislação para o metrô vale para o país inteiro, segundo a CNN. Até então, as cidades tinham suas próprias normas. Em Beijing, por exemplo, é proibido comer e beber nas estações de metrô desde 2015. Quem quebrar a regra pode ser multado em até US$ 70, quase R$ 280.

Fechar X
Sem mais artigos