Cada paladar é singular, então definir o que é bom ou ruim é subjetivo. Mas a CNN decidiu se arriscar nesta jornada e escolheu os 10 países que, em sua opinião, têm a melhor gastronomia. Para ajudar os viajantes de plantão, listou quais pratos indicam e quais acham superestimados.

10) Estados Unidos

Vencedores: cookies de chocolate  e cheeseburger;

Deixam a desejar: comidas superprocessadas, como bolinhos industrializados e fast food.

9) México

Vencedores: molho mole (molho à base de diversos ingredientes, entre eles pimentas, tomates, amêndoas e chocolate), tamal e tacos ‘al pastor’ (tacos de carne de porco);

Deixam a desejar: tostadas, por serem parecidas com tacos e burritos, mas em uma versão difícil de comer. Elas se quebram assim que você morde.

8) Tailândia

Vencedores: tom yam kung (sopa picante de camarões e leite de coco),  curry Massaman (curry que pode ser preparado com diferentes tipos de carne, como cordeiro, frango ou porco) e som tam (salada de mamão verde);

Deixa a desejar: pla som, um prato de peixe cru fermentado, suspeito de causa câncer de vesícula biliar.

7) Grécia


Vencedores: azeite de oliva, spanakopita (torta de espinafre grega com massa folhada) e gyros (o famoso, e original, churrasco grego. É servido no pão pita com carne de carneiro, frango ou misto);

Deixa a desejar: lahanorizo (arroz com repolho e tomates), pois não mata a fome por completo.

6) Índia

Vencedores: dal (sopa de lentilhas),  dosa (panqueca de massa fina recheada com diferentes tipos de chutneys), chai (chá indiano com especiarias que também pode ser servido com leite);

Deixa a desejar: balti de frango (prato parecido com o curry, porém servido em uma panela diferente), pois a receita foi, na verdade, aprimorada em Birmingham, na Inglaterra.

5) Japão

Vencedores: sopa de misô, sushi, sashimi e tempurá

Deixa a desejar: fugu (carne de baiacu), pois é extremamente venenosa e exige um preparo cuidadoso, caso contrário, pode ser mortal.

4) Espanha
Vencedores: presunto ‘pata negra’ e churros;

Deixa a desejar: gazpacho (sopa servida fria à base de tomate e pão), pois segundo a CNN, é similar a uma “salada líquida”.

3) França


Vencedores: escargot, macarons e baguetes;

Deixa a desejar: foie gras (patê de fígado de ganso), pois a polêmica iguaria exige que o órgão animal seja dilatado. Para isso, as aves são submetidas a alimentação forçada.

2) China
Vencedores: porco agridoce, dim sum (bolinhos cozinhados no vapor, com recheios variados, servidos em porções), pato de Pequim (com um preparado especial e demorado, o pato assado é pincelado com temperos, que forma uma fina crosta crocante e brilhante) e xiaolongbao (bolinho cozinhado no vapor, com recheios variados, que podem ir em sopas);

Deixa a desejar: sopa de barbatana de tubarão, pois o assunto causou polêmicas entre ativistas pelos direitos animais.

1) Itália


Vencedores: espaguete à bolonhesa, pizza, salame italiano e cappuccino (ao contrário das variações brasileiras, a versão italiana consiste em uma dose de café com leite vaporizado e espuma de leite no topo);

– Deixa a desejar: mussarela de búfala, pois para os experts da CNN, o gosto é sutil e “sem graça”.

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos