Quer curtir o frio com seu bebê, mas tem receio de não conseguir passear com ele? De fato viajar pode ficar bem complicado com nossos companheirinhos. Mas se você escolher bem o destino, as roupas e, principalmente, alinhar suas expectativas, a viagem pode sair bem mais prazerosa do que pensa. Em Gramado e Canela, nas serras gáuchas, as opções são inúmeras para crianças com sua enorme quantidade de parques. Mas e para os bebês? Também tem diversão para a família que ainda carrega seu neném no colo (ou no carrinho ou no sling).

É uma delícia descobrir que até trilhas com vistas incríveis são possíveis com um bebê. Veja o que esta mãe e um pai de primeira viagem fizeram em sua aventura por Gramado e Canela (RS) com o neném de quatro meses. Ambos sedentários e com zero experiência em viajar com filhos. Ah! E sem sling. O colo foi literalmente colo e em vários momentos rolou passeio de carrinho, onde o bebê dormiu gostoso com o frio local.

Parque da Ferradura

Parque da Ferradura

Parque da Ferradura em Canela

Se alguém me contasse que era possível ter esta vista sem esforço com um bebê eu não acreditaria. Mas pode crer. É possível e quase fácil. Para chegar a três mirantes incríveis no Parque da Ferradura você só precisa fazer uma trilha de cerca de 15 minutos. É um pouco íngreme e demanda cuidado por onde pisa. Mas apenas isso. Fizemos com o bebê no colo, sem sling ou qualquer acessório. A subida, na volta, foi mais difícil. Mas nada que os banquinhos à nossa espera ao retornar não salvassem. Inclusive, aproveitei para amamentar ali mesmo na sombra dos pinheiros. Meu filho se encantou com as árvores e os quatis que vimos de montão.

Bondinho aéreo

Bondinho aéreo em Canela

Diferente do bondinho do Pão de Açúcar no Rio de Janeiro, este é bem menor, balança menos, dá pra ir sentado e até levar o carrinho com seu bebê. Foi o que fizemos. A ideia era que ele curtisse o visual, mas… ele dormiu na ida e na volta com o balanço. Além do trajeto, há pequenos passeios pavimentados por meio de árvores e espécies nativas de animais devidamente sinalizados. Tudo plenamente possível e prazeroso com carrinho de bebê.

 

Lago Negro

Lago Negro

Lago Negro em Gramado
Mais uma opção muito agradável para se fazer de carrinho ou sling. O passeio de 7 km é todo pavimentado e, após a vista linda, o chacoalhar provavelmente vai fazer seu bebê dormir deliciosamente ao som de pássaros, folhas e natureza em geral. Senti como se tocassem aqueles sons para bebê dormir que a gente baixa no Spotify e YouTube. Só que era tudo de verdade… Para quem quiser, ainda tem pedalinho. A gente preferiu só ver a água de longe mesmo.

Rua Coberta em Gramado

Rua repleta de restaurantes, cafés e comércio. A graça está justamente em ser coberta. Aí você pode ficar mais tempo com seu bebê mesmo à noite ou num dia mais frio.

Praça das Nações

Praça das Nações em Gramado

Como ela é bem florida, as cores das plantas vão chamar a atenção de seu bebê e diverti-lo. E você pode conhecer comidas de diferentes nacionalidades nas casas de vários países que ficam no local.

Rua Torta

Rua Torta em Gramado

Uma rua instagramável. Nada muito além disso. Mas como fica no centrinho de Gramado e você já vai estar por ali passeando de qualquer maneira, vale ir até lá. É diferente.

Cafeteria Lugano em Gramado

A charmosa cafeteria do centro de Gramado me fez sentir dentro de uma história como Alice no País das Maravilhas. Nada na decoração era radicalmente infantilizado ou fantasiado, mas algumas coisas deixavam a imaginação fluir, como as cadeiras extremamente altas. Nosso filho ficou admirado com o tamanho delas. Não deixe de tomar o chá de maçã feito na própria casa. Ganha, inclusive, do chocolate quente em sabor. A chocolateria existe em Gramado desde 1976 e é do mesmo grupo da cervejaria Rasen.

Todos os passeios, viagem e hospedagem foram pagos pela própria repórter (e mãe). 

Veja mais fotos de Gramado e Canela. Todos os passeios foram feitos com bebê: 

Fechar X

 

 

 

Fechar X
Sem mais artigos