De acordo com relatório emitido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) nesta quarta-feira (18), a Hungria possui cerca de 50 casos confirmados de coronavírus. No entanto, o governo já decretou uma série de medidas para tentar combater a disseminação do vírus.

Segundo o jornal Hungary Today, o governo decretou na semana passada o fechamento de cinemas, bares, museus e bibliotecas. Além disso, as universidades podem manter as atividades, mas apenas à distância. As medidas foram tomadas a fim de minimizar a circulação de pessoas e diminuir o risco de contágio.

Durante dois dias, o fotógrafo húngaro Rizsavi Tamás registrou os impactos do coronavírus da rotina de Budapeste. “A cidade ficou vazia, deprimida e assustadora. Deixe as imagens contarem a história”, declarou ao site Bored Panda.

Conheça este outro lado da capital húngara:

Sem mais artigos