Em números, a OMS diz que reduzir o consumo de tabaco é a chave para salvar milhares de vidas. O projeto da organização é diminuir a produção e o consumo pela metade nos próximos anos. Um redução de 50% salvaria 200 milhões de vidas.

A boa notícia é que no Brasil, o número de fumantes adultos diminiu 40% entre 1989 e 2006. Mas o número de fumantes ainda é alto no país.

No Brasil, o novo imposto pode ser uma medida para inibir a produção, visto que os produtores terão menos lucro. De acordo com a Associação dos Fumicultores do Brasil, 66,24% do preço do cigarro vai para impostos, restando apenas 20,28% para as empresas e pouco mais de 5% para os agricultores.

Brasil usa imposto pra brecar produção de tabaco

Sem mais artigos