pri_41988822

(Foto: reprodução/vídeo)

Parece até piada (de mau gosto, claro), mas não é! Susan King, uma candidata política liberal-democrata na cidade de Telford, Inglaterra, disse que a água servida pelo serviço público pode fazer às pessoas virarem gays. Em entrevista em um chat no Shropshire Star, ela afirma que o local que comporta a água está cheio de hormônios femininos, e isso tem transformado as pessoas.

Nossa população está mudando“, diz ela, e complementa: “As influências ambientais estão afetando a reprodução. Todo mundo está sentindo o efeito no DNA“.

Além da água estar mudando o sexo dos cidadãos, para King o “problema” vai além, porque as pessoas estão tendo o livre-arbítrio para viverem como quiserem e com quem quiserem: “Há muitos hormônios femininos em contato com o meio ambiente. Está afetando a sexualidade das pessoas. Elas estão tendo a liberdade de interpretar como querem viver“.

E tem mais: a candidata alega que os produtos químicos usados ​​na fabricação de produtos de plástico, como brinquedos para criança, já estavam afetando o sexo dos peixes locais.

Kuldip Sahota, sua rival trabalhista, pediu para que Susan se desculpasse o quanto antes.

As infos são do Metro.

Sem mais artigos