A cantora inglesa Dua Lipa fez coro ao movimento #EleNão em seu Twitter. A hashtag é usada contra o candidato do PSL à presidência da República, Jair Bolsonaro. No Brasil, Bruna Marquezine, Sasha, Maria Ribeiro e Deborah Secco são algumas famosas que também aderiram.

O tweet de Dua Lipa é um repost de comentário do editor Peter Meiszner. O texto diz: “você achava que Trump era ruim: “pois ele diz que preferia ter um filho morto a um filho gay. E, em frente às câmeras de TV, disse a uma congressista que não a estupraria porque ela era feia”. O Brasil flerta com o retorno do dias escuros – via New York Times”. A cantora reproduziu o texto usando a hashtag #EleNão.

O tweet tem mais de 206 mil curtidas, 108 mil reposts e mais de nove mil comentários. Vale lembrar que Dua Lipa também se posicionou durante o pleito americano que elegeu o controverso Donald Trump e o Brexit, referendo que decidiu pela saída do Reino Unido da União Europeia.

 

Sem mais artigos