Barrigas de grávidas viram obras de arte em projeto de artista

Além de todo o significado afetivo, a maternidade também traz um momento de maturidade, em que a mulher se torna mais consciente quanto à importância do seu corpo estar saudável para a geração de uma nova vida. Neste período de cuidado redobrado, o ideal é seguir as recomendações médicas para combinar atividades físicas adequadas a uma dieta balanceada, composta por ingredientes como o salmão, um dos alimentos mais completos e altamente indicados para a saúde das futuras mamães e seus bebês.

Em pesquisa recente, a Universidade de Southampton, no Reino Unido, comprovou os benefícios quantitativos de uma dieta baseada neste pescado, que é rico em nutrientes essenciais para o bom funcionamento do organismo como o Ômega-3,  a “gordura do bem” composta pelos ácidos graxos EPA e DHA, extremamente importantes para a formação dos olhos e do sistema nervoso dos bebês.

Entre as grávidas que consumiram uma porção de 150g de salmão duas vezes na semana, observou-se um aumento significativo destes ácidos, assim como da vitamina D, responsável pela absorção de cálcio e fósforo no organismo, e do selênio; mineral que atua no sistema imunológico e reduz em até três vezes o desenvolvimento da tireóide durante a gravidez. Segundo os resultados, todos estes benefícios nutricionais foram avaliados tanto nas mamães como nos bebês que seguiram a dieta recomendada, com o aleitamento materno.

 

 

Comer salmão duas vezes por semana pode melhorar saúde de gestantes e bebês

Sem mais artigos