Sheryl Sandberg, diretora geral do Facebook sabe muito bem que mulheres são seres sensíveis, por isso acredita não há nada demais em chorar no trabalho às vezes. Em entrevista ao jornal indiano Mint, Sheryl disse: “Eu choro no trabalho às vezes. Acredito que todos somos seres emocionais e é muito bom compartilhar sentimentos no trabalho”, disse a executiva.

Aos 43 anos, considerada pela revista Times uma das 100 pessoas mais influentes do mundo e com seu livro, “Faça Acontecer”, lançado há dois meses nos Estados Unidos no número um na lista dos mais vendidos, ela prega que as mulheres sejam ambiciosas na carreira profissional.

No livro ela recomenda que as mulheres aliem “gentileza e insistência” nos pedidos de aumento de salário e promoções. Ela encoraja as mulheres a sonharem alto, assumirem riscos e se lançarem em busca de seus objetivos sem medo. Ela acredita que um maior número de mulheres na liderança levará a um tratamento mais justo de todas as mulheres. 

Diretora do Facebook afirma que mulheres podem chorar no trabalho

Sem mais artigos