Idosas britânicas são vistas com jovens nativos

Não são apenas mulheres jovens que se “aventuram” pela África em busca de sexo em troca de dinheiro ou doação. Um documentário do Reino Unido mostrou que senhoras inglesas estão se dirigindo a Gâmbia em uma espécial de “turismo sexual”.

As idosas, a maioria aposentadas, vão até o país em busca de “doações” e chegam a ficar por lá por meses. Além de tomarem as ruas à noite, são vistas muitas vezes em praias e na companhia de jovens que não têm nem um terço da idade delas.

Algumas mulheres foram ouvidas por reportagens de tabloides e chegaram a classificar o país como “paraíso”, já que “se pode ter um homem diferente a cada noite”.

A maioria das pessoas que assistiram ao documentário o classificaram como perturbador e chocante. Há também relatos de idosas que se casam com os nativos, vivendo por lá ou voltando com o então marido à Europa.

Sem mais artigos