O amor foi motivo de festa e celebração nesse fim de semana, com o Valentine’s Day, nos Estados Unidos. Infelizmente, tem quem ainda acredite naquela definição de “casal” que leva em conta apenas duas pessoas do sexo oposto, ou seja: um homem e uma mulher. Parece antiquado, e realmente é! Na contramão do atraso e do preconceito, a Adidas resolveu homenagear o amor de uma forma diferente e igualitária, causando um misto de revolta e admiração entre os seguidores.

No Instagram, eles publicaram a foto de um casal de mulheres que, a julgar pela pose dos pés, estariam se beijando ou se abraçando, com uma legenda ainda mais linda. “O amor que você recebe é igual ao amor que você dá”, dizia o post. Agora, você consegue imaginar quantos casais se sentiram representados e emocionados com esse tipo de publicação? Pois é, a coisa estava boa demais para ser verdade.

Uma foto publicada por adidas (@adidas) em

Imediatamente, o perfil da marca foi tomado por comentários preconceituosos e homofóbicos, para dizer o mínimo. “Que vergonha, Adidas! Agora eu vou comprar na Nike”, dizia um comentário, que foi respondido apenas com emojis de beijos e palmas, pela conta oficial. Depois, veio um comentário mais agressivo e irresponsável: “Que porcaria é essa, Adidas? O Dia dos Namorados é para homens e mulheres, não para um casal de lésbicas. Seus estúpidos”, disse o usuário @azeamann.

Achou que os caras ficariam quietos, sem responder às críticas absurdas? Para a nossa alegria, não!

“Não, hoje é o dia do AMOR. Feliz Dia dos Namorados”, respondeu a Adidas. Depois dessa ~lacrada~ sensacional, outros usuários das redes sociais manifestaram apoio à marca, que silenciou os comentários preconceituosos com classe e elegância. E viva o amor livre de estereótipos e amarras! :)

Sem mais artigos