Uma edição do livro Harry Potter e A Pedra Filosofal com anotações e ilustrações feitas à mão pela autora britânica J.K. Rowling foi leiloada nesta terça-feira em Londres por 150 mil libras (R$ 460 mil)


O exemplar foi vendido junto a outras 50 obras literárias contemporâneas em um leilão beneficente organizado pela casa Sotheby’s na capital britânica e cuja arrecadação será destinada ao apoio da associação literária English PEN.

As anotações pessoais da escritora, repartidas ao longo de 43 páginas do livro, contêm referências a toda a saga do famoso mago e também às adaptações cinematográficas protagonizadas pelo ator inglês Daniel Radcliffe.

No total, 1,1 mil palavras escritas à mão sobre uma primeira edição do que foi o começo da série de Harry Potter, composta por sete livros e que vendeu até o momento mais de 450 milhões de cópias em cerca de 200 países.

“O Quidditch foi inventado em um pequeno hotel de Manchester após uma briga com o qual então era meu namorado. Fiquei pensando naquilo que mantém a uma sociedade unida e compreendi que precisava de um esporte”, diz uma das anotações do exemplar sobre a modalidade sobre vassouras que Potter pratica.

A autora externou também suas lembranças sobre o processo de escritura de Harry Potter e A Pedra Filosofal e comentou aspectos como a dedicatória do livro, a pouca popularidade do primeiro capítulo e seus sonhos com diversos personagens.

As anotações estão acompanhadas de 22 ilustrações elaboradas por Rowling que mostram personagens, objetos e cenas da história, como um pequeno Harry Potter envolvido em cobertores frente à porta da casa de seus tios, os Dursleys, uma snitch dourada e o distintivo da escola Hogwarts.

Sem mais artigos