Mulheres da música eletrônica

A gente sabe que não está fácil pras mulheres do mundo todo, em qualquer posição, conseguir igualdade de gênero, mas é sempre bom encontrar iniciativas que tentam colocar isso em debate: o Tumblr female:pressure taí pra isso. Ele mostra mulheres do mundo todo que estão envolvidas com música eletrônica (seja nos palcos, nos bastidores, nos estúdios, etc) arrasam no que fazem.

A idealizadora é a produtora de música eletrônica Antye Greie-Ripatti (também conhecida como AGF), que se inspirou numa entrevista que a Björk deu para a Pitchfork falando sobre a disparidade de gênero na indústria musical. A cantora, é claro, está dando o maior apoio para o projeto, já tendo até mesmo compartilhado o Tumblr em sua fan page no Facebook.

A descrição do projeto já diz que o female:pressure “é uma rede internacional com mais de 1300 artistas mulheres de 64 países e dos mais vastos domínios da música eletrônica”. Dessa forma, contribuições são mais do que bem vindas, afinal, é graças ao Tumblr que mulheres de todo o mundo, que geralmente não são vistas e nem creditadas por seu trabalho, estão recebendo a credibilidade que merecem.

Mulheres da música eletrônica

Empoderador: Tumblr mostra mulheres que mandam muito quando o assunto é música eletrônica

Sem mais artigos