O novo tablet da Apple, o iPad 2, estreou nesta sexta-feira no mercado americano em meio a fortes expectativas de venda e com um preço similar ao de seu antecessor, mas com uma maior distribuição, o que deverá reduzir as filas de compradores.

Os mais ansiosos puderam encomendar seu aparelho por meio do site da Apple desde as 6h (horário de Brasília) desta sexta-feira, mas quem quiser ter o tablet em mãos ainda hoje terá que esperar até as 17h do horário local de cada estado americano, momento em que o iPad 2 estará disponível nas lojas.

Embora sejam esperadas as frequentes filas que acompanham os lançamentos dos produtos da Apple, desta vez calcula-se que as aglomerações serão menores devido ao aumento dos pontos de venda.

A segunda geração do popular tablet poderá ser adquirida nos 236 pontos de venda da Apple, 15 a mais do que os existentes na época do lançamento do iPad em abril de 2010, assim como em outras redes de lojas, como Best Buy e Wal-Mart.

O iPad 2 custará a partir de US$ 499 pelo modelo mais simples com 16 GB e Wifi, até US$ 829 pela versão com 64 GB, Wifi e conexão de dados 3G, preços idênticos aos do primeiro iPad.

Calcula-se que o iPad 2 chegará a um milhão de unidades vendidas em menos de 28 dias, o tempo que seu antecessor demorou para chegar a esse número.

O iPad representou uma revolução tecnológica em 2010 e liderou a criação de um novo nicho comercial, no qual tem uma posição dominante com uma fração de mercado que ronda os 90% depois que foram vendidas quase 15 milhões de unidades do aparelho entre abril e dezembro.

Sem mais artigos