O empresário Luiz Calainho

O empresário Luiz Calainho

Colaboração: Bruna Senos

O Circo Voador pode aterrissar em breve em outras capitais. Pelo menos é o que garante o empresário e produtor Luiz Calainho, um dos idealizadores do evento, que ocupou o Arpoador nos dias 12, 13 e 14 de junho com música, teatro, debates e oficinas infantis.

“Já estamos pensando na ideia de levar o Circo para outras grandes capitais do Brasil, como São Paulo, Belo Horizonte, Salvador e Porto Alegre, por exemplo. Isso já está mais ou menos pensado, a gente já está com foco nessa direção”, contou o empresário ao Vírgula.

Calainho ainda avaliou o final de semana de revival do Circo em seu lugar de origem, e não descartou a possibilidade de voltar a fincar suas estruturas no local novamente: “Era um imenso desafio, mas a gente está muito feliz, sobretudo porque conseguimos trazer de volta a atmosfera original do espaço”, opinou. “A gente está conversando sobre a possibilidade de trazer o Circo para cá novamente. Aqui é uma área muito específica, tem toda a população do entorno também, mas quem sabe? Vamos conversar… Se volta para o Arpoador por agora eu não sei, mas que volta daqui a 30 anos, isso com certeza a gente volta”, disse.

Sem mais artigos