A escritora britânica J.K. Rowling, autora da saga Harry Potter, lançará seu segundo livro sob o pseudônimo de Robert Galbraith no próximo dia 24 de junho na Europa, informa nesta segunda-feira o jornal The Guardian em seu site.


No entanto, The Silkworm (O Verme, em livre tradução), que dará continuidade ao suspense O Chamado do Cuco, deverá chegar às livrarias do país somente em novembro, de acordo com a assessoria da editora Rocco, que adquiriu os direitos do livro e que também já havia publicado a primeira parte da história.

Na sequência da trama, a escritora britânica volta a recorrer às figuras do detetive Cormoran Strike e de sua “decidida jovem ajudante” Robin Ellacott, mas, desta vez, para tentar solucionar o intrigante desaparecimento do romancista Owen Quine.

Além do anúncio do novo livro, o site do escritor fictício Robert Galbraith também apresentou uma pequena sinopse da obra.

“A princípio, a senhora Owen Quine acredita que seu marido partiu com seus próprios pés durante alguns dias – como já fez anteriormente – e quer que Strike o encontre e o leve outra vez para casa”, indicou o site do pseudônimo (www.robert-galbraith.com).

“O romancista acaba de completar um manuscrito com perfis venenosos de quase todas as pessoas que conhece e, em caso de publicação, arruinaria muitas vidas, o que faz com que muitas delas queira silenciá-lo”, acrescenta.

Em declarações ao jornal The Guardian, a editora do livro na Europa, a Little Brown, assinalou que se trata de “um livro de mistério e de leitura compulsiva com contínuos giros”.

O Verme é o terceiro livro de J.K Rowling voltado ao público adulto e o segundo que lançará sob o pseudônimo de Galbrith, anonimato que acabou sendo revelado pouco a pouco pelo tabloide The Sunday Times.

O jornal descobriu a identidade secreta dessa bem-sucedida escritora após realizar uma investigação iniciada a partir de um vazamento de um de seus funcionários no Twitter.

Aparentemente, Chris Gossage, um dos advogados de J.K. Rowling, revelou o fato em uma conversa privada à melhor amiga de sua esposa, Judith Callegari, que depois tuitou que a identidade autêntica de Robert Galbraith era, de fato, J.K. Rowling. Horas depois de tal descoberta, as vendas do livro se multiplicaram.

O primeiro livro de J.K. Rowling voltado ao público adulto, The Casual Vacancy (Morte Súbita), foi lançado em 2012 pela Sphere, que, por sinal, integra o grupo editorial Little, Brown Book Group.

J.K. Rowling publicou esse livro 15 anos depois do primeiro episódio da saga de Harry Potter, traduzida para 73 idiomas e que teve 450 milhões de cópias vendidas em mais de 200 países. 

Sem mais artigos