Maryland se transformou nesta quinta-feira no oitavo estado americano a legalizar o casamento homossexual após o governador Martin O’Malley assinar a lei para a entrada em vigor em 2013.

O projeto que hoje se torna lei já havia sido aprovado pelo Senado de Maryland na semana passada, por 25 votos a favor e 22 contra.

No ano passado, o Senado estadual também tinha dado apoio à medida, mas o texto foi depois rejeitado na Câmara de Representantes.

A lei estadual promulgada nesta quinta-feira exime as organizações religiosas de prestar serviços matrimoniais aos casais de mesmo sexo.

O casamento homossexual já era legal também nos estados de Nova York, Connecticut, Iowa, Massachusetts, New Hampshire e Vermont, assim como no Distrito de Columbia, onde fica a capital do país, Washington.

Há apenas uma década, nenhum estado do país permitia uniões entre homossexuais.

Sem mais artigos