Reprodução/Oklahoma’s News 4

Um menino morador de Oklahoma, nos Estados Unidos, tem nove anos e já está há seis no sistema de adoção. Ele precisou ser separado do irmão, que adotado no ano passado.

Mas Jordan teve a oportunidade de conversar com a reportagem do Oklahoma’s News 4 e, na ocasião, pediu para ter uma família. O vídeo viralizou e o garoto já recebeu 5 mil pedidos de adoção.

A jornalista estava fazendo uma reportagem sobre a criança, com quem já havia feito uma matéria há três anos. Ao perguntar o que ele faria se tivesse direito a três pedidos, o pequeno respondeu: “ter uma família, família e família. É o único desejo que tenho”.

“Só queria ter uma família para chamar de mãe e pai, ou só mãe, ou só pai. Eu não ligo”, disse Jordan.

Ele relatou que queria ter alguém para conversar a hora que quisesse: “espero que um de vocês me escolha”.

De acordo com o veículo, o desejo de Jordan está prestes a ser atendido. Centenas de interessados entraram em contato com a emissora após assistirem à matéria. Com a repercussão da entrevista, o assistente social responsável pelo caso recebeu mais de 5 mil pedidos de adoção para o garoto.

“Estou no processo de analisar os perfis para selecionar uma família para tentarmos seguir em frente”, explicou Christopher Marlowe.

Atualmente, Jordan vive em um orfanato e já morou em diferentes lares temporários, mudando-se de casa com frequência.

“Tivemos algumas famílias que expressaram interesse em adotá-lo, mas após fazermos as divulgações, elas decidiram que não era a melhor opção ou a melhor hora para a família, então tivemos dificuldade na adoção”, Marlowe disse.

O profissional espera que os irmãos possam se reconectar no futuro. Uma possibilidade que a família de Braison já concordou.

Segundo o canal Fox 4, existem 7.700 crianças no sistema de lares temporários em de Oklahoma, cerca de 500 estão prontas para adoção.

Sem mais artigos