mcdonalds dia da mulher

Preparar ações para o dia da Mulher claramente não é o forte da equipe de marketing do McDonalds.

Depois de ter invertido o logo e causado polêmica, mais uma notícia, no mínimo, chata para a marca. Aqui no Brasil, a rede de fast food achou que seria legal que seus restaurantes operassem só com mulheres neste 8 de março, para demonstrar a força da feminina… O que acarretou em folga para todos os homens? Como se mulheres já não trabalhassem mais do que homens todos os dias do ano graças à dupla jornada de trabalho, né?

Após a confusão, a rede de lanchonetes soltou uma resposta oficial: “Esclarecemos que não houve folga para os rapazes que trabalham nesses restaurantes. Todos trabalharam normalmente conforme suas escalas. Houve apenas uma troca de locais de trabalho entre eles, para que esses 20 restaurantes pudessem reunir apenas mulheres na operação. Lamentamos que alguns clientes tenham concluído a mensagem de maneira equivocada”.

Qual a sua opinião?

Sem mais artigos