O dia amanheceu mais triste nessa última terça-feira, com uma notícia que ninguém gostaria de ouvir em 2016. Já deu, né, querido? Ninão, o vira-lata mais simpático e risonho da internet, antecipou a passagem de ida para o céu dos cachorros depois de dez anos de muita alegria aqui na Terra. O anúncio foi feito por seu dono, Rodrigo, na página oficial do Ninão no Facebook. Tristeza define.

A comoção nas redes foi imediata. Ninguém sabia que “Neno”, apelido carinhoso do dono, estava doente. Nos posts e vídeos do YouTube, tudo seguia maravilhoso e divertido como sempre, para a nossa alegria.

“O destino foi cruel e nos separou da forma mais dolorosa, através de uma doença que estávamos tratando faziam dois meses. Dois meses sem dormir, dois meses chorando, dois meses de pura dor. Difícil de explicar e aceitar. A esperança ainda brotava dentro do meu peito e do nada ele se foi”, escreveu Rodrigo. O relato emocionado tem 473 mil likes e 75 mil compartilhamentos até agora.

Para aliviar um pouquinho da saudade, resolvemos lembrar alguns momentos e detalhes de Ninão que vão existir para todo o sempre em nossos corações.

Ninão ficou conhecido por seu remelexo característico, como se tentasse a todo custo se comunicar com as câmeras

Quando recebia algum “mimo”, o YOUTUBER NINÃO sabia posar como ninguém para agradecer os presentes. Lindão, né?

Muitas das nossas fantasias de carnaval e Dia das Bruxas foram inspiradas em Ninão, que nunca rosnava ou se incomodava com a brincadeira <3

Além da Bruxa Hannibal, Ninão soube interpretar como ninguém o maravilhoso DOG SPARROW, sempre pronto para dar uma entrevista

E o verdadeiro Axl Rose que o mundo precisa, né, gente?

Ninão também era um cachorro brutalmente honesto, sem esconder seu verdadeiro apreço – ou aversão – por comidas estranhas de humanos

Falando em comida, quanto você pagaria para assistir um Master Chef liderado pelo MAIS IMPORTANTE CHEF BRASILEIRO? Ninão, claro.

Ele não vai fazer falta apenas para os milhares de fãs das redes sociais, não. Sabia que Ninão também era um baita paizão? Abençoe seu sucessor!

E o que dizer daquele dia em que um filhote de sabiá pousou na cabeça dele? Ninão, bonzinho como sempre, simplesmente o adotou para a família!

Neno” tornou nossas tardes mais alegres com palhaçadas dignas do título de “Melhor Cachorro da Internet”; lembra quando ele apareceu fantasiado de Mosquito da Dengue?

Nós poderíamos passar a tarde inteira relembrando os melhores momentos desse dog que, além de ser o melhor cachorro da internet, era o melhor e mais especial amigo do Rodrigo, pai do Ninão. Cabe a nós agradecer por tantas lembranças maravilhosas e torcer para que o céu dos cachorros esteja em festa. Saudade, Ninão!

Sem mais artigos