Policiais tailandeses simularam cena de sexo e viralizaram nas redes no país

Dois policiais estão dando o que falar nas redes sociais na Tailândia. E tudo porque resolveram reproduzir uma cena de sexo em reconstituição a um crime de atentado ao pudor no país. O crime aconteceu na Universidade de Kasetsart, em Bangcoc, capital do país.

 

 

Para não terem que mostrar as cenas reais do crime às testemunhas, os dois policiais resolveram improvisar e imitar a posição na qual os dois jovens que cometeram o delito estavam na hora do acontecimento.

 

O crime aconteceu próximo à quadra de tênis da universidade. Autoridades locais explicaram que as gravações dos jovens foram feitas sob encomenda para abastecer a indústria pornô do país.

 

Além de atentado ao pudor, a Justiça da Tailândia está tratando o caso também como crime cibernético. Os crimes podem tanto levar à prisão quanto ao pagamento de multas. O caso ainda segue sendo julgado.

 

“Nós identificamos que o casal fez vídeos em diferentes localidades e postaram em sites adultos para ganhar dinheiro. Esse comportamento é ilegal e imoral”, disse o tenente-coronel da polícia local, Sarawut Butrdee.

Sem mais artigos