Dançarinos burlescos e as personas que eles encarnam depois de passar maquiagem e colocar os trajes de performance são o tema da série fotográfica Burlesque, idealizada e produzida pelo americano Sean Scheidt.

Baseada num antes e depois de cada pessoa, as fotos nos mostram que as roupas e a maquiagem são itens essenciais nessa transformação, mas outras coisas, como a própria linguagem corporal acaba sendo uma parte importante para a incorporação dessa persona, que é diferente de quem eles costumam ser no dia-a-dia.

“O que você vê nesses retratos é a pessoa que eles são em tempo integral. Para outros performers, o contraste pode ser chocante. Ainda, se você pensar sobre, você vai perceber que a maioria das pessoas que trabalham durante o dia, estão se transformando também”, afirma Scheidt.

Sem mais artigos