O Harlem é um dos bairros de Nova Iorque, nos Estados Unidos, que mais concentra a comunidade afro-americana. Por lá, ser branco chama bastante atenção dos moradores. Então, o que será que acontece quando um homem negro leva a sua namorada branca para acompanha-lo em uma barbearia na região? O canal ABC, bastante popular entre os americanos, decidiu descobrir a resposta desta questão e fez um teste com o quadro What Would You Do? (O que Você Faria?, em tradução livre).

Para criar toda a situação polêmica dentro da barbearia, três atores foram contratados e, sem que os demais clientes soubessem, toda a reação foi toda gravada em vídeo.

Uma das atrizes, Rachel, era a cabeleireira negra que deu em cima de Gabriel, outro ator negro, que esperava para ser atendido. Alguns minutos mais tarde, a atriz que interpretava a namorada do jovem, uma garota branca, chegou ao local e Rachel não poupou o casal de comentários preconceituosos, como “Você está com uma garota branca? Você não conseguiu achar uma mulher negra e forte para você?”.

A cena foi filmada quatro vezes e em uma das filmagens nenhum dos clientes dos clientes do estabelecimento se manifestou para defender a jovem branca (Crédito: Reprodução/YouTube)

A cena foi filmada quatro vezes e em uma das filmagens nenhum dos clientes dos clientes do estabelecimento se manifestou para defender a jovem branca (Crédito: Reprodução/YouTube)

A cena foi filmada quatro vezes e em três das quatro filmagens as reações foram bastante negativas, com as pessoas reprovando a ação de Rachel. Uma das mulheres que aguardava para ser atendida no salão comentou: “As mesmas críticas que fizeram com a nossa gente, você vai lá e vai fazer com outra pessoa? O que te dá esse direito?”. Quando as câmeras foram mostradas e ela foi questionada sobre o que a levou a comprar a briga, a mulher afirmou que é preciso aprender a falar mais alto, especialmente quando há algo errado.

Durante a segunda filmagem, Rachel precisou forçar mais a barra, pois ninguém reagiu. A atriz até chegou a dizer “ó, estou dizendo o que toda mulher aqui está pensando. Elas não estariam com um cara branco, estariam?”, e mesmo assim, ninguém se manifestou. Quando a pegadinha foi revelada, o apresentador questionou o motivo pelo qual todos concordaram com a atriz, e como resposta uma senhora disse que apesar de ter ficado incomodada, não estava na posição de dizer algo.

A reação mais incrível de todas é a última, em que uma senhora negra e homossexual faz Rachel chorar e pedir desculpas, mostrando um discurso coerente e cheio de amor: “Onde está o seu coração amoroso? Se ela estivesse deitada sangrando na rua, você a ajudaria? (…) É nossa responsabilidade garantir que eles se sintam bem. Nós não precisamos pisar neles. Eles já pisaram em nós por muito tempo. Vamos tentar levantar juntos”.

Dá play no vídeo abaixo e confere:

 

https://www.youtube.com/watch?v=ynYwTU7z6BI

Sem mais artigos