Há diversos motivos para se fazer uma tatuagem, desde estética até eternizar uma história. Mas também se marca a pele para deixar algo para trás.

A tatuadora vietnamita conhecida como Ngoc é especialista em cobrir cicatrizes, marcas de nascença, queimaduras, ou qualquer “imperfeição” que os clientes queiram. Ela acredita que seu trabalho, além de tatuar, é curar as pessoas de fora para dentro.

“Minha paixão é cobrir cicatrizes, queimaduras, marcas de nascença ou qualquer imperfeição do corpo. Acredito que uma tatuagem bem feita e construída não só muda a imagem que uma pessoa tem de si, mas também aumenta a confiança e a ajuda a superar inseguranças”, explicou a artista em entrevista ao site Bored Panda.

Para escolher o desenho da cobertura, é preciso levar em conta se as cores, os contornos e o tamanho serão suficientes para cobrir a área de forma efetiva. Ngoc também conta que a pele da cicatriz costuma ser mais grossa ou mais fina, dependendo do caso, portanto é mais complexa de ser trabalhada.

Este tipo de trabalho requer um alto grau de experiência e conhecimento. Ngoc, que já está na área há mais de 10 anos, diz se certificar que cada tatuagem saia “perfeitamente”, pois consertar um trabalho é uma tarefa ainda mais difícil e pode causar danos à pele.

Confira algumas das transformações feitas pela tatuadora vietnamita:

Sem mais artigos