Com o Facebook em alta nos Estados Unidos e o Orkut conquistando espaço fora da América do Norte, Jack Dorsey teve a brilhante ideia de criar uma página para os internautas escreverem mensagens de até 140 caracteres. Este é o Twitter, que hoje, segunda-feira (21 de março), completa cinco anos de vida.

A rede social chegou quietinha no mercado da internet. Aos poucos, as pessoas foram aderindo ao site. Primeiro estourou nos Estados Unidos, para depois fazer sucesso no mundo todo. O Brasil, por exemplo, é o segundo país que mais possui usuários, contanto com 8,79% do total dos internautas cadastrados no serviço.

O Twitter foi criado para ser um microblog na internet, na qual as pessoas postariam mensagens curtas e diretas. Logo se tornou um fenômeno na web e uma das ferramentas mais importantes para disseminar informações de sites, empresas e acontecimentos globais – quando o BOPE invadiu o Complexo do Alemão em novembro de 2010, o Twitter foi a ferramenta mais rápida para as pessoas obterem informações; emissoras de TV, portais de internet e blogueiros comeram muita poeira.

O CRESCIMENTO DO PÁSSARO AZUL

Cinco anos se passaram e o Twitter cresce a cada dia. Segundo informações da própria rede social, hoje mais de 460 mil contas são abertas por dia. Apenas no dia 12 de março deste ano, foram criadas cerca de 572 mil cadastros.

O recorde de tuítes por segundo foi na virada do ano do Japão. A rede social teve 6.939 tuítes por segundo. O segundo lugar foi no dia da morte de Michael Jackson, na qual a rede social carimbou 456 mensagens por segundo.

Número consolidado até o último final de semana, mostra que a rede social recebe mais de 140 milhões de tuítes em todo o mundo de seus mais de 200 milhões de usuários cadastrados.

A febre do Twitter é tanta em todo o mundo que os usuários de internet por celular acabaram optando pelo microblog também em seus smartphones. De acordo com a rede social, de 2006 até agora, o número de tuiteiros em aparelhos móveis aumentou em 182%.

OS USUÁRIOS COM MAIS SEGUIDORES

A briga para ter mais números de amigos no Twitter é acirrada. A diva da música pop, Lady Gaga, hoje conta com 8,86 milhões de seguidores. Ela é seguida bem de perto por Justin Bieber, com 8,20 milhões de usuários que o seguem. Em terceiro lugar fica a rainha dos palcos e dos tabloides, Britney Spears, com 7,15 milhões de seguidores.

Um astro norte-americano roubou a cena no Twitter nestes últimos dias. Charlie Sheen, que assumiu fumar sete pedras de crack por dia, se envolveu com prostitutas e perdeu o emprego na série Two and a Half Man, conseguiu um milhão de amigos em apenas 24 horas.

Fato único e pode se considerar extraordinário. Nunca ninguém conseguiu tantos seguidores em apenas um dia.

No Brasil, o usuário com mais seguidores no Twitter é o meia-campista do Real Madrid, Kaká, com mais de três milhões internautas fieis. O segundo lugar – antes o primeiro – é de Luciano Huck, que hoje tem 2.851.544 milhões de seguidores. O terceiro lugar é da cantora baiana Ivete Sangalo.

Sem mais artigos