O Papa Francisco convocou na semana passada uma Assembleia com 200 bispos cujos resultados já começaram a ser divulgados. Nesta segunda (13) um documento do Vaticano foi divulgado e traz mudanças sobra a relação da Igreja Católica com os homossexuais.

Ressaltando que os gays têm “dons e qualidades a oferecer“, o texto mostra uma possível abertura para a aceitação dos gays. Claramente a instituição está caminhando a passos lentos, uma vez que a atual doutrina católica sobre a família e o matrimônio se manterá inalterada, mas ainda assim esse documento representa um avanço.

“Serão nossas comunidades capazes de proporcionar isso, aceitando e valorizando sua orientação sexual, sem fazer concessões na doutrina católica sobre família e matrimônio?”, se questiona o documento.

Sem mais artigos