O novo filme de Pedro AlmodóvarLa Piel que Habito, foi premiado em Cannes neste sábado (21). O longa ganhou o Prêmio da Juventude — que foi recebido por seu irmão Agustín Almodóvar, produtor e roteirista do longa.

Com Elena Anaya, Antonio Banderas e Marisa Paredes no elenco, o filme foi escolhido o melhor da seleção oficial por sete jovens cinéfilos de 18 a 25 anos.

Agustín Almodóvar dedicou o prêmio “ao que a juventude representa”, e ressaltou que “os jovens são certamente o futuro do cinema e da sociedade.”

Pelo Twitter, Agustín disse que prefere não criar grandes expectativas para Domingo — quando serão anunciados os prêmios do júri oficial: “A concorrência é duríssima e estamos muito satisfeitos com o trabalho feito até hoje”.

O Prêmio da Juventude é entregue há 30 anos em Cannes e é organizado pela Secretaria de Estado da Juventude em colaboração com o festival.

Almodóvar é premiado em Cannes por "La Piel que Habito"

Sem mais artigos