O ator Jeremy Renner e sua ex-mulher, a modelo canadense Sonni Pacheco, enfrentam uma batalha judicial pela guarda da filha do ex-casal, Ava, de 6 anos.

Durante o processo, uma série de documentos e testemunhos de Sonni e outras pessoas vieram a público. Neles, a modelo conta que Jeremy, famoso por interpretar o Gavião Arqueiro em ‘Vingadores’, sofria com abuso de drogas e álcool e, em uma ocasião, colocou uma arma na própria boca dizendo que tiraria a vida. Após desistir da ideia, ele atirou no teto do quarto. Ao lado, dormia a filha bebê do casal.

Segundo o site The Sun, uma funcionária também disse que o ator ameaçou de morte a ex-esposa e disse que tiraria a própria vida após matar Sonni.

“Ele começou a falar em matar a esposa. Ele não conseguia mais lidar com ela e só queria que ela sumisse”, disse a funcionária que cuidava de Ava. Em outra acusação, ela diz que encontrou cocaína na pia do banheiro em uma altura em que a menina poderia alcançar.

Em nota, os advogados do ator comentaram o caso: “o bem-estar de Ava é o foco principal de Jeremy. Agora, a corte é quem deve decidir”.

Como seria se os Vingadores usassem os uniformes das HQs:

Como seria se os Vingadores usassem os uniformes das HQs

Ator de 'Vingadores' é acusado de tentar se matar e ameaçar esposa e filha

Sem mais artigos