Camisetas pretas, bruxas, vampiros, caveiras e muito sangue tomaram conta das ruas de São Luiz do Paraitinga, neste domingo (10). O responsável por transformar o carnaval da cidade em um verdadeiro Haloween foi o divertido Bloco Pé na Cova, que brinca com a dualidade entre a animada festa e o medo da morte. 

“Eu gosto de sair no Bloco Pé na Cova sempre que possível”, conta o estudante Gabriel Almeida, 21, natural de São José do Rio Preto, e que há dois anos aproveita o carnaval luizense. “O mais legal desse bloco é a facilidade em conseguir uma fantasia. Esse ano estou prevenido, mas alguns amigos só vestiram uma camiseta preta e estão prontos para entrar no cemitério”, brincou. 

Após o Pé na Cova, foi a vez do Balacobaco animar a galera e encerrar o segundo dia de folia no interior paulista. Nesta segunda-feira (11), o destaque fica por conta dos blocos do Caipira, às 19h, e o Cruis Credo às 21h30. Haverá também o curioso concurso de fantasia Pai do Troço, às 17h30. 

Segunda (11):

11h00 – Banda Charanga do Quadô – Alto do Cruzeiro
17h00 – Concurso Pai do Troço de Fantasia
17h30 – Bloco Pai do Troço – Fantasia: Roupão, penico
19h00 – Bloco do Caipira – Fantasia: Chapéu, botina, lenço
21h30 – Bloco do Cruis Credo – Fantasia: do além
23h30 – Bloco do Caetê – Fantasia: Folhas de caetê
01h00 – Bloco do Urubu – Fantasia: Roupa preta

Sem mais artigos