Marina Abramovic, artista plástica e performer que traz uma exposição ao Sesc Pompeia, em São Paulo, em 2015, tem viagem marcada para o Brasil ainda em 2014. Ela revelou ao jornal britãnica The Guardian que vem ao país nos próximos meses para visitar um “conselheiro xamânico”.

A publicação acrescenta ainda que a visita faz parte das preparações da artista sérvia para a sua próxima exposição em Londres.

Chamada 512 Horas, a nova performance será a mais minimalista da carreira de Marina. Ela passará vários dias, mais precisamente entre 11 e 15 de agosto, dentro da prestigiada Serpentine Gallery. Os visitantes, que deverão tirar seus relógios e celulares antes de adentrar no espaço, terão encontros “transcedentais” com ela, sem nenhum objeto ou distração além da própria performer. “É o encontro”, sintetizou ela em declaração ao jornal.

Sem mais artigos