Willard Christopher Smith Jr. – que completa 42 anos neste sábado (25) – é o que se pode chamar de um cara predestinado. Não interessa o que faça, o resultado é sempre o mesmo: Will Smith nasceu para fazer sucesso. Um dos mais ricos e lucrativos atores do cinema americano, ele também já se deu (e dá) bem como cantor e produtor musical, de TV e de cinema.

Primeiro ele quis ser músico. Chamou o amigo de infância Jeffrey Townes e os dois viraram DJ Jazzy Jeff & The Fresh Prince. Resultado? Se tornou o primeiro vencedor da recém-criada categoria rap do Grammy (prêmio que ainda ganharia mais três vezes).

Só que, ainda muito novo e empolgado pela quantia astronômica de dinheiro que ganhou, torrou tudo e ficou à beira da falência no final da década de 80. Problema? Não. Justamente quando as coisas estavam começando a ficar bem feias pro seu lado, a NBC fez uma proposta.

E foi assim que ele começou sua segunda carreira, a de ator. Entre 1990 e 1996, foi o protagonista de Fresh Prince of Bel Air (que no Brasil levou o nome de Um Maluco no Pedaço). A série contava a história de um jovem que ganhava muito dinheiro, se mudava para a casa dos tios e vivia cercado de mordomias em Beverly Hills.

CLIQUE AQUI PARA VER UMA GALERIA COM OS TRABALHOS DE WILL SMITH COMO ATOR.

Depois de aparecer em outras séries como convidado, ele estreou no cinema em A Lei de Cada Dia, de 1992. E já em seu terceiro filme, Seis Graus de Separação (93) começou a receber elogios da crítica. Logo, Fresh Prince não se encaixava mais. Smith encerrou a série, passou a se dedicar ao cinema e em 95 estrelou seu primeiro grande sucesso, Os Bad Boys.

Logo em seguida, em 1996, veio Independence Day e a partir daí a história já é bem conhecida. Seja comédia, ação ou drama, não importa. Se o nome de Will Smith estiver nos créditos, é lucro garantido.

Para dar uma ideia do seu poder, basta dizer que ele é o único ator até hoje a conseguir estrelar oito filmes consecutivos com arrecadação acima dos US$ 100 milhões. Aliás, dos 19 filmes que já fez, nada menos do que 14 bateram essa marca. E quatro chegaram a mais de US$ 500 milhões: Independence Day, Homens de Preto, Eu Sou a Lenda e Hancock (este último com US$ 620 milhões).

E seu talento parece ser hereditário, a considerar seus dois filhos mais novos, fruto de seu casamento com a atriz Jada Pinkett. Depois de aparecer ao lado do pai em À Procura da Felicidade, seu filho Jaden virou protagonista do remake de Karate Kid, que já arrecadou mais de US$ 350 milhões e tem sequência garantida. E, na semana passada, foi a vez da caçula Willow impressionar, mas desta vez na música, com um teaser de seu primeiro clipe, Whip My Hair (clique AQUI para assistir).

Em homenagem aos 42 anos de Will Smith, o Virgula fez uma galeria lembrando todos os passos de sua carreira na TV e no cinema. Para ver, clique na imagem abaixo.

No 42º aniversário de Will Smith, conheça toda a sua vitoriosa carreira como ator

Sem mais artigos