Novo e principal reforço do New York Red Bulls, dos Estados Unidos, para disputar a Major League Soccer, o atacante francês Thierry Henry anunciou nesta quinta-feira (15) a sua aposentadoria da seleção francesa de futebol.

Campeão mundial em 1998 e da Eurocopa de 2000, o jogador de 32 anos, que coleciona passagens por Arsenal e Barcelona encerrou o seu ciclo pela França após o fiasco na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul.

“Acabou para mim na seleção nacional”, disse Henry, que marcou 51 gols em 123 partidas e quase dez anos de seleção.

Sem mais artigos