O espanhol Fernando Alonso, da Ferrari, que teve que abandonar o Grande Prêmio do Canadá neste domingo após se chocar com Jenson Button, da McLaren, disse que espera ter mais sorte nas próximas corridas, já que acredita que o piloto britânico “mediu mal” o espaço.

“Foi uma corrida infeliz. Espero que eu tenha mais sorte na próxima. Acho que mediu mal, por isso a corrida acabou para mim. Mas são condições difíceis em uma pista muito escorregadia”, lamentou.

O espanhol ainda destacou o fato do carro da McLaren não ser frágil e resistir às adversidades das corridas.

“Como é habitual, a McLaren segue na pista enquanto todos os demais saem. Parece um carro indestrutível”, apontou Alonso.

 

 

 



Sem mais artigos