Os jogadores da seleção do Taiti se disseram orgulhosos de sua atuação na estreia pela Copa das Confederações, primeira competição organizada pela Fifa da qual o país participa, mesmo com a derrota por 6 a 1 para a Nigéria, em duelo disputado no estádio Mineirão, em Belo Horizonte.

“Estamos orgulhosos. Conseguimos melhorar muito nosso nível. Somos amadores e não esperávamos poder disputar tão bem uma partida como esta”, declarou o atacante Marama Vahiura após o jogo, válido pelo grupo B.

Vahiura lembrou que, com exceção dele mesmo, que atua na primeira divisão da Grécia, os atletas da delegação taitiana são amadores. Isso, segundo ele, valoriza ainda mais a atuação da equipe.

“Estamos orgulhosos em primeiro lugar por estar disputando a Copa das Confederações, em segundo lugar pelo nível que alcançamos e em terceiro lugar pelo apoio que recebemos do público”, exaltou o jogador, que se mostrou muito feliz por terem conquistado a torcida.

“Queria agradecer ao público porque o apoio chegou ao coração. Graças a esse respaldo disputamos uma verdadeira partida com um nível que já não é o de amadores. O apoio do público já foi uma vitória para nós”, vibrou. 

Apesar da goleada sofrida, Taiti vibra com estreia: "Estamos orgulhosos"

Sem mais artigos