Valdívia, Felipão, Kleber e talvez Ronaldinho Gaúcho. Apesar do mal momento dentro das quatro linhas, o Palmeiras tenta montar um “esquadrão” para a disputa do Campeonato Brasileiro.

No entanto, esse alto investimento tem gerado problemas para a gestão do clube. Segundo Savério Orlandi, diretor de futebol da equipe, o time está devendo salário para os atletas.

“Existe um atraso dimensionado dentro do grupo. Conversamos direto com eles e o problema está resolvido”, garantiu o dirigente alviverde.

Apesar do atraso, que o diretor nega ser de quatro meses, a diretoria palmeirense não dúvida do empenho dos atletas. “O elenco tem se doado da mesma maneira. Toda vez que se fala nisso eles podem até não gostar pelo atraso, mas eles sabem que o compromisso que firmamos sempre é comprido”, completou.

Apesar das contratações de peso, Palmeiras admite salários atrasados

Sem mais artigos